Arquivos de Categorias: Humor

Vandalismo em um museu coloca Lamborghini Gallardo como ‘tela’ para seus visitantes

foto-imagem-Lamborghini

Se você é daqueles que sofre com um risquinho no seu carro, fuja desta matéria! Já imaginou se esse pequenino risco fosse em uma Lamborghini? E se fossem VÁRIOS riscos? É isso que propôs o museu ARoS Aarhus Kunstmeseum, localizado em Arhus, na Dinamarca. Em outubro do ano passado, uma Lamborghini Gallardo ficou exposta por 3 semanas à espera de “vândalos autorizados”.

O modelo, que custa a partir de R$ 600 mil, fazia parte da exposição “Nenhum Homem é Uma Ilha” e recebeu diferentes inscrições da galera que visitou o local. Apesar do ceticismo inicial, muita gente aderiu à “brincadeira” e fez parte do trabalho coletivo de arte.

A ideia inicial, inclusive, era que as inscrições no carro durassem mais de 3 semanas, mas isso se tornou inviável porque acabaria apagando as primeiras escritas e transformando a cor dele de preto para branco. Depois desse período inicial, a obra ficou “completa”, e os novos visitantes só podem apreciar o resultado.

foto-imagem-Lamborghini

Qual o motivo?

Uma das primeiras inscrições foi SKODA – uma marca de carros na Dinamarca muito mais barata do que a Lamborghini. Apesar de o veículo não estar mais recebendo inscrições, ele continuará exposto no museu até setembro deste ano, quando será devolvido a seu dono, o grafiteiro norueguês conhecido como DOLK.

Segundo Pernille Taagaard Dinesen, curadora do ARoS, a ideia era mostrar que cada ação que a pessoa faz deixa uma marca na sociedade. A obra final foi intitulada “Low Key”, uma expressão que significa dar pouca ênfase a determinado assunto. E se você achou muito absurdo, tudo bem: a arte é justamente feita dessas coisas bizarras que não fazem sentido.

O dono do carro, DOLK, disse que o comprou já usado na Itália, justamente para a exposição. Ele não imaginava que os danos seriam tão intensos: quase todas as letras da placa “Lamborghini” foram arrancadas e teve gente que tentou riscar até as janelas do carro! O grafiteiro não pretende repintar o carro depois da exposição.

foto-imagem-Lamborghini

Vandalismo?

Muitas pessoas, entretanto, não curtiram a proposta, dizendo que esse tipo de intervenção artística incentiva o vandalismo. A curadora do museu acredita que isso pode até ser possível, mas ela acha que uma obra de arte tem justamente a função de fazer as pessoas pensarem e mudarem seus desejos mais ocultos.

“Se você fosse sair e arranhar o carro de um estranho em um estacionamento depois de arranhar este, isso é totalmente sua responsabilidade. Nós instigamos você a arranhar um carro aqui, no ARoS, não na sociedade, o contexto em que você faz isso é muito importante”, analisa Pernille Dinesen.

Outros críticos dizem que a Lamborghini Gallardo já é uma obra de arte por si só e que autorizar pessoas a riscá-la seria um atentado artístico. DOLK defende que escolheu esse modelo justamente para causar estranheza e fazer as pessoas sentirem a dor dos riscos como se fosse em seu próprio carro. Vocês gostaram do resultado?

foto-imagem-Lamborghini

Pessoas que definitivamente não ligam para a opinião dos outros

Algumas pessoas realmente não se importam com o que os outros pensam a seu respeito

foto-imagem-pessoas

Tem adoentado que não abre mão da sua dieta calórica

foto-imagem-pessoas

Hipster lançando novos meios de transporte no espaço urbano

foto-imagem-pessoas

Apressadinho sem a mínima noção de espaço

foto-imagem-pessoas

Gatófilo que coloca o bichano literalmente em primeiro lugar

foto-imagem-pessoas

Explorador que invade a toca de urso sem a menor cerimônia

foto-imagem-pessoas

E costureiro com um gosto bem peculiar na hora de confeccionar suas roupas

foto-imagem-pessoas

Em alguns casos, as pessoas encontram alternativas pouco usuais para solucionar seus problemas

foto-imagem-pessoas

Em outros, confundem nosso cérebro de uma maneira jamais vista

foto-imagem-pessoas

Não podemos nos esquecer dos bons netinhos, que gostam de divulgar as habilidades manuais da avó

foto-imagem-pessoas

Do casal que achou brilhante a ideia de tomar banho em público

foto-imagem-pessoas

Da senhorinha que não dispensa uma vida saudável e um bom drink

foto-imagem-pessoas

E desta mulher, que descobriu uma forma econômica de transportar seu cachorro

foto-imagem-pessoas

Sim… Algumas pessoas literalmente não dão a mínima para o que os outros vão pensar

foto-imagem-pessoas

Mas certas estão elas, que levam a vida bem de boas

foto-imagem-pessoas

Imagens intrigantes que desafiam a compreensão humana

foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia foto-imagem-do-dia

O mistério do vestido que ‘muda de cor’

foto-imagem-vestidoAzul e preto ou branco e dourado? É o frisson que vem causando a foto do vestido acima. A discussão virou um dos temas mais compartilhados nas redes sociais, em especial no Twitter, onde alcançou status de trending topic, ou assunto entre os mais comentados, no Brasil e no mundo.”Qual é a cor desse vestido? Vejo branco e dourado. Kanye vê preto e azul, quem é o daltônico?”, escreveu Kim Kardashian na rede.

Também no microblog, a ganhadora do Oscar Julianne Moore disse que via branco e dourado, mas Taylor Swift e Justin Bieber viram azul e preto.

O que diz a tecnologia

Se você enxerga o vestido branco e dourado, está simplesmente equivocado.

Pedimos à editora de fotografia do Serviço Mundial da BBC, Emma Lynch, que nos ajudasse a determinar objetivamente a cor do vestido usando um software de edição de fotos.

Ela disse que, após análise, todos os tons da cor do vestido são azuis, e não brancos. Ao aumentar a foto-imagem-vestidosaturação – tornando as cores existentes mais fortes, mas sem acrescentar novas cores – o vestido aparece azul para todos.

Estes resultados são confirmados pelo uso da ferramenta de conta-gotas do software, que captura amostras de áreas específicas do tecido. Este software identifica o código de cor do computador de qualquer pixel na tela. E nesse caso também gera resultados em tons de azul.

Como tudo começou

As conclusões são confirmadas pela responsável por distribuir a imagem do vestido nas redes sociais.

Caitlin McNeill, uma escocesa de 21 anos, faz parte de uma banda de folk. Na semana passada, o grupo tocou em um casamento onde a mãe da noiva estava usando o vestido.

Caitlin contou ao site BuzzFeed News que as discordâncias sobre a cor do vestido começaram pouco antes da festa, quando a mãe da noiva compartilhou com o casal uma foto da roupa que planejava usar.

A noiva e o noivo não conseguiram chegar a um acordo sobre se o vestido na foto era azul e preto ou branco e dourado. Então postaram a imagem no Facebook. McNeill, depois, compartilhou a foto em seu Tumblr.

A história cresceu nas redes sociais e não parou mais.

McNeill disse que o vestido azul e preto é da marca Roman Originals e, embora houvesse outras opções de cores disponíveis, nenhum deles era branco e dourado.

foto-imagem-vestido

Por que vemos cores diferentes

De acordo com o site de tecnologia Wired.com, a chave para decifrar o enigma do vestido está na forma como os olhos e o cérebro evoluíram para ver cores na luz solar.

Como os seres humanos evoluíram para ver a luz do dia, seus cérebros começaram a levar em conta o fato de que a luz muda de cor. Os objetos têm um certo tom vermelho rosado de madrugada, mais azul-branco ao meio-dia, e voltam a ser mais avermelhadas no pôr do sol.

O cérebro tenta descontar o efeito da luz do sol (ou outra fonte de luz) para chegar a uma cor “verdadeira”.

Por isso, algumas pessoas veem azul no vestido mas seus cérebros ignoram isso, atribuindo a cor azulada à fonte de luz, em vez de ao próprio vestido. Elas veem branco e dourado.

Os cérebros dos outros atribuem o azul que eles veem ao próprio vestido.

Este fenômeno existe há milhares de anos, mas há algo especial nesta foto do vestido que tornou as diferenças na forma como vemos a cor mais clara do que nunca.

11 fotos impressionantes , sem Photoshop

Lugares e pessoas que perdem a alegria , enquanto a natureza mostra o melhor da vida real .

Lago Transparente, em Montana, nos EUA

foto-imagem-lago

Ponte aquífera de Magdeburgo, na Alemanha

foto-imagem-ponte

Penhasco na China

foto-imagem-penhasco

Do alto do Burj Khalifa, o prédio mais alto do mundo

foto-imagem-burj-khalifa

Parque Natural Lena Pillars, na Rússia

foto-imagem-parque-natural

Aeroporto Ibrahim Nasir, nas Ilhas Maldivas

foto-imagem-aeroporto

Escultura de Bruno Catalano, na França

foto-imagem-escultura

Campos de arroz na China

foto-imagem-china

Formação rochosa de arenito, no Arizona

foto-imagem-arizona

Floresta torta, Polônia

foto-imagem-floresta

Billy Owen

foto-imagem-billy-owenO sobrevivente de um câncer de olho agora aproveita seu visual diferente para fazer papeis de zumbi em filmes e séries.

Artista japonesa vira fenômeno ao ‘levitar’ em fotos

Fotografia VoadoraEm seu blog, a artista japonesa Natsumi Hayashi conta que tem, há vários anos, uma grande obsessão: voar.

Para suprir essa “fixação”, ela começou a postar fotos de si mesma “levitando” no ar.

Via redes sociais, as imagens foram ganhando fama. Tanto que Natsumi foi convidada a expor suas fotos em uma galeria – a Spiral Garden – em Tóquio.

Sua primeira exposição individual no Japão, a mostra levava o nome do projeto em seu blog Today’s Levitation (“A levitação do dia”, em tradução livre).

A artista, de 31 anos, explica que as fotos não são manipuladas no computador. Ela pula diante da câmera até que a imagem capture o momento exato em que está “voando”.

“Às vezes, tenho de dar mais de 200 pulos para conseguir a foto ideal”, diz Hayashi, que conta com a ajuda de amigos para pressionar o botão da câmera.

foto-imagem-artista-japonesa

No site da galeria que abrigou sua exposição, ela explica sua obra: “Estou tentando me expressar como alguém livre da gravidade da Terra. Fazendo isso nas fotografias, eu também não me prendo a convenções da sociedade. Sinto-me como se não estivesse amarrada a tantas coisas e, assim, capaz de ser eu mesma.” Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

A exposição em uma galeria de Tóquio foi sua primeira individual no Japão e levava o nome do projeto em seu blog ‘Today’s Levitation’, ou “a levitação do dia”. Na mostra, suas fotografias são exibidas em grande escala e chegam a 9 metros de largura por 6 metros de altura. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

A artista japonesa Natsumi Hayashi começou a tirar fotos de si mesma “levitando” para lidar com sua grande obsessão, que era voar. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

Este ano, suas fotos já foram exibidas em Osaka, no Japão, e em algumas cidades americanas, como Los Angeles. Já as reproduções das fotos são vendidas em diversos museus e galerias do mundo. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

A internet é a maior plataforma para seu trabalho. Além de postar as fotos em seu blog, ela as divulga no Facebook e no Twitter. Poucos meses após começar o projeto, suas fotos se tornaram extremamente populares na internet. Tanto que levaram muitos jovens a copiá-las e a postarem fotos suas também “levitando”.Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

“Comecei a tirar fotos minhas nas calçadas, pulando da plataforma do trem, deslizando em um restaurante ou suspensa no ar em um campo deserto”, conta Natsumi, que tem 31 anos. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

Algumas das fotos vêm em pares e, nelas, a artista usa uma técnica para se obter uma imagem tridimensional. Como ela explica, é preciso olhar a imagem da direita com o olho esquerdo e a da esquerda com o olho direito. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

Para tirar a foto, nada de manipulação no computador. Na verdade, seu processo consiste em ajustar a velocidade do obturador de sua câmera e, em seguida, ela começa a pular até conseguir a imagem que tem em mente. O que pode lhe custar até 200 pulos! Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

foto-imagem-artista-japonesa

Nessa imagem, é preciso usar a mesma “técnica”, cujo objetivo é fazer com que o cérebro mescle as duas imagens, gerando uma sensação de que a foto é 3D. Crédito: “Today’s Levitation” ©Natsumi Hayashi, courtesy MEM, Tokyo

O macaco da bola azul da Porta dos Fundos!

E mais uma vez a “Porta dos Fundos” surpreende com humor ácido na rede.  O Macaco de bola azul é também conheci como Chlorocebus aethiops é um macaco do velho mundo que possui logos tufos de pelo branco na lateral da face. Seu habitat é a savana e este curioso animal é mais ativo de manhã e no início da noite.Macaco-da-bola-azul-Porta-dos-fundos-Ambientalistas-em-rede-1 Macaco-da-bola-azul-Porta-dos-fundos-Ambientalistas-em-rede-2 KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA Macaco-da-bola-azul-Porta-dos-fundos-Ambientalistas-em-rede-4

Seus hábitos alimentares consistem de comer principalmente frutas, vegetais e mamíferos pequenos, às vezes, insetos e aves, tornando-se um onívoro.

Na hierarquia de machos, o alfa mostra seu domínio colocando a sua cauda em uma posição rígida de pé e a cor azulada dos testículos tem serve de referencia à potência de dominância física como atração sexual dentro do grupo. Ou seja, quando mais azulado for o testículo, mais destacado dentro do grupo será o macho. As fêmeas têm um número limitado de companheiros, enquanto os machos possuem numerosas fêmeas.

Homem de fio dental – ‘Figuraça’ chama a atenção durante show aéreo em uma praia de Israel

Foto de um homem de fio dental em show acrobático em Israel

Equipe de acrobacias, composta por sete jatos, é a maior da Europa

O público ficou impressionado com as performances acrobáticas do Breitling Jet Team em uma praia em Tel Aviv, em Israel. A equipe, composta por sete jatos L-39 Albatros, é a maior da Europa e tem base em Dijon, na França. O inusitado ficou por conta da “figuraça” da foto e sua sunga, no mínimo, diferente (FOTO: Reuters).

Barrigão do Ronaldo, ex-jogado, curtindo férias em Ibiza

Ronaldo fez piada em seu twitter , agora há pouco, com sua proeminente barriguinha registrada em Ibiza. Disse que agora que parou de jogar pode tirar foto sem camisa em sem ser “detonado” pela imprensa. Disse que antes a manchete mencionaria seu peso – e agora o registro é apenas sobre suas férias.