Arquivos de Categorias: Planeta Marte

Fotos do planeta Marte feita pelo robô Curiosity – Mount Sharp

O robô Curiosity enviou as primeiras imagens em alta resolução do local em que conduzirá a maioria das suas pesquisas em Marte. Controlado remotamente pela NASA, o jipe busca evidências microbiológicas de vida e analisará as condições do planeta para recebê-la, além de colher informações técnicas sobre as condições do terreno.

Representado nas imagens enviadas nesta terça-feira (29/8) à agência especial, o Mount Sharp, uma montanha situada no centro de uma cratera, é o alvo principal da missão que engloba o Curiosity. O monte tem 5,5 km de altura, por isso espera-se que o robô demore pelo menos um ano até conseguir chegar do outro lado.

“O conhecimento que esperamos ganhar com a observação da cratera nos dirá muito sobre a possibilidade da vida em Marte e sobre o passado e futuro do nosso próprio planeta”, afirmou o diretor da agência, Charles Bolden, em uma transmissão em que congratulou os cientistas e técnicos responsáveis e anunciou os novos feitos.

A formação geológica tem intrigado a Nasa por conta de um efeito que vem sendo chamado de “Grand Canyon ao contrário”, quando as camadas rochosas mais perto do cume são inclinadas em relação às que se encontram por baixo.

“No Grand Canyon, as camadas são inclinadas devido às placas tectônicas. Por este motivo, é normal ver as camadas antigas mais deformadas do que as que se encontram acima”, explicou John Grotzinger, cientista do Instituto de Tecnologia da Califórnia que participa do projeto.

De acordo com a Nasa, em apenas três semanas, dentro de um projeto de dois anos, o Curiosity já conseguiu colher mais dados sobre Marte do que todas as expedições anteriores somadas. “O Curiosity trará benefícios para a Terra e inspirará uma nova geração de cientistas e exploradores, além de preparar o caminho para uma missão humana em um futuro não muito distante”, aposta.

Imagens de Marte, o Planeta Vermelho


Marte sempre despertou grande interesse. A primeira missão bem sucedida foi a ‘Mariner 4′, que sobrevoou o planeta em 1965. Nesta segunda-feira, 6 de agosto de 2012, a Nasa conseguiu pousar um jipe-robô na superfície marciana. Na foto, dunas de areia clara com areia escura criam um desenho que mais parece uma tatuagem.(Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

A foto mostra camadas de diferentes tonalidades. No entanto, se você estivesse em Marte, talvez enxergasse outras cores nesta paisagem. O satélite que capturou a imagem só consegue tirar fotos em azul, verde, vermelho ou infravermelho. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

Marte tem este nome em homenagem ao deus romano da guerra. O planeta tem esta coloração avermelhada por causa de uma alta concentração de óxido de ferro. No centro da foto-mosaico é possível ver o maior abismo conhecido do sistema solar. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

A imagem mostra nuvens de poeira causadas por uma avalanche. O gelo de dióxido de carbono caiu de um precipício de 2 mil metros de altura e, provavelmente, foi derretido pela incidência de raios solares no fim do inverno e início da primavera em Marte. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

No polo sul do planeta vermelho, a paisagem é branca. Com temperaturas extremamente baixas, as extremidades do planeta são cobertas de gelo. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

A imagem aérea se assemelha a veias e artérias. Os cientistas acreditam que a paisagem pode ter sido criada por água em estado líquido há milhões de anos atrás, quando o planeta era mais quente e úmido. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

A cratera de Victoria foi explorada por uma outra missão da Nasa. A ‘Opportunity’ passou cerca de dois anos, entre 2006 e 2008, coletando informações nesta região. (Foto: NASA/JPL/University of Arizona)

As nuvens são de uma tempestade de areia acontecendo em Marte. Os cientistas estudaram este tipo de fenômeno para determinar o melhor local e a forma ideal de pouso da missão ‘Curiosity’. (Foto: NASA/JPL-Caltech/MSSS)

A foto mostra, delineado com um círculo preto, o local de pouso do jipe-robô ‘Curiosity’ nas proximidades da cratera de Gale. (Foto: NASA/JPL-Caltech/MSSS)

As primeiras imagens enviadas pela “Curiosity” foram assim, em preto e branco. Na foto grande-angular, é possível ver a sombra do próprio jipe-robô, que tem como missão principal descobrir vestígios de vida no planeta vizinho.(Foto: NASA/JPL-Caltech)