Arquivos de Categorias: Céu

Uma visão perfeita

foto-imagem-visão-perfeita

Os raios do sol definir chama a recursos Monument Valley Navajo Tribal do parque mais reconhecíveis da terra: as luvas, os montículos enormes que se projetam a partir de chão do deserto do parque. Embora a paisagem icónica passou a simbolizar o oeste americano imortalizado em tais filmes clássicos como Stagecoach (1939) e Easy Rider(1969), Monument Valley é a casa ancestral do povo Navajo, que ainda vivem na área hoje.

Veja vistas espectaculares sobre Mudança do Clima

Visualmente ilustra a mudança climática e as mudanças ambientais globais não é tarefa fácil. Mas para o fotógrafo Daniel Beltrá, efeito documentando da humanidade em nosso planeta tem sido uma paixão ao longo da vida.Até o momento ele fotografou as regiões polares, a Amazônia, Islândia, Gronelândia, e até mesmo o derramamento de óleo BP.

foto-imagem-clima

foto-imagem-clima foto-imagem-clima foto-imagem-clima foto-imagem-clima foto-imagem-clima foto-imagem-clima foto-imagem-clima

World Press Photo – O prêmio de fotografia é um dos mais prestigiosos do mundo – Veja os vencedores da edição de 2016

Foto de Warren Richardson em fronteira sérvia tem tema marcante de 2015.
Brasileiro Mauricio Lima ficou com o 1º lugar na categoria ‘Notícias Gerais’.

world-press-photo-2016-foto-do-ano

Imagem eleita ‘foto do ano’ mostra bebê em fuga de migrantes rumo à Europa (Foto: Warren Richardson/World Press Photo 2016)

O prêmio de fotografia World Press Photo, um dos mais prestigiosos do mundo em fotojornalismo, divulgou nesta quinta-feira (18) seus vencedores da edição 2016 – que leva em conta fotos feitas ao longo do ano anterior.

A foto do ano foi para o australiano Warren Richardson, com uma imagem que mostra um bebê de família migrante sendo passado por baixo de uma cerca de arame farpado na fronteira entre Hungria e Sérvia, em agosto de 2015. A cena também levou o 1º lugar na categoria “Notícias Factuais”.

 

O brasileiro Mauricio Lima, que trabalha como freelancer para o jornal americano “The New York Times” e para outras publicações, foi o vencedor com a melhor foto na categoria “Notícias Gerais”, com a imagem de um médico tratando as queimaduras de um jovem combatente do Estado Islâmico de 16 anos de idade perto de Hasaka, na Síria.

world-press-2016-mauricio-lima-vencedor-categoria-noticias-gerais

Foto do brasileiro Mauricio Lima, vencedora na categoria ‘Notícias Gerais’, mostra jovem integrante do Estado Islâmico ferido em combate na Síria (Foto: Mauricio Lima/World Press Photo 2016)

Outra imagem do brasileiro também aparece entre as vencedoras. A cena de crianças de uma tribo munduruku saltando no rio Tapajós em Itaituba (PA) foi eleita a 2ª melhor foto na categoria “Vida Diária”.

world-press-2016-mauricio-lima-2-melhor-categoria-vida-diaria

Foto de crianças indígenas brasileiras saltando em rio foi eleita a 2ª melhor na categoria ‘Vida Diária’ (Foto: Mauricio Lima/World Press Photo 2016)

O júri do prêmio chegou aos vencedores após avaliar 82.951 fotos de 5.775 fotógrafos que se inscreveram no concurso. As inscrições vieram de 128 países diferentes.

Todas as imagens e séries premiadas podem ser vistas na página do World Press Photo. Veja abaixo imagens vencedoras em outras categorias.

nuvem-tsunami-categoria-natureza

Formação de uma ‘nuvem tsunami’ na praia de Bondi, em Sydney, enquanto uma banhista lê um e-book foi a vencedora na categoria ‘Natureza’ (Foto: Rohan Kelly/World Press Photo 2016)

fumaca-fabricas-ganhadora-categoria-vida-diaria-foto

Chineses empurrando um carrinho em bairro vizinho a uma usina termoelétrica abastecida por carvão em Shanxi, na China, foi eleita a melhor foto na categoria ‘Vida Diária’ (Foto: Kevin Frayer/World Press Photo 2016)

crianca-saco.-vencedora-categoria-pessoasjpg

Imagem de uma criança coberta por uma capa de chuva à espera em fila de registro de refugiados em um campo de Presevo, na Sérvia, foi eleita melhor foto na categoria ‘Pessoas’ (Foto: Matic Zorman/World Press Photo 2016)

orangotango-grito-premio-categoria-natureza-foto

Orangotango grita ameaçando outro macho que se aproxima na floresta de Batang Toru, na Indonésia. Série que retrata as dificuldades na sobrevivência da espécie levou o prêmio de melhor história na categoria ‘Natureza’ (Foto: Tim Laman/World Press Photo 2016)

poluicao-categoria-assuntos-contemporaneos-foto

Prédios de Tianjin, no norte da China, são vistos sob espessa camada de poluição, na foto eleita vencedora na categoria ‘Assuntos Contemporâneos’ (Foto: Zhang Lei/World Press Photo 2016)

esqui-acidente-categoria-foto-esportes

O esquiador tcheco Ondrej Bank voa após batida durante campeonato em Colorado, nos EUA, em foto que ficou com o 1º lugar na categoria ‘Esportes’ (Foto: Christian Walgram/World Press Photo 2016)

vulcao-raio-3-melhor-categoria-natureza-foto

O vulcão de Colima, no México, expele lava e nuvem de cinzas que gera raios durante a noite no município de Colima, na foto eleita 3ª melhor na categoria ‘Natureza’ (Foto: Sergio Tapiro/World Press Photo 2016)

militares-estupro-vencedor-categoria-projetos-de-longo-prazo-foto

Série que mostra histórias de mulheres que foram vítimas de estupro ou violência sexual durante o serviço militar nos EUA levou o 1º lugar na categoria ‘Projetos de Longo Prazo’ (Foto: Mary F. Calvert/World Press Photo 2016)

Grande vencedora

A “foto do ano”, imagem em preto e branco intitulada “Esperança de uma nova vida”, foi feita pelo fotógrafo independente Warren Richardson na noite de 28 de agosto de 2015, quando alguns refugiados tentavam entrar na Hungria.

A foto é “poderosa por sua simplicidade”, disse o presidente do júri e diretor de fotografia da AFP, Francis Kohn. “Vimos esta foto cedo [no processo de seleção] e soubemos que era uma imagem importante”.

Para Huang Wen, membro do júri e diretor de desenvolvimento de novas mídias da agência chinesa Xinhua, a foto é “perturbadora”. “Você observa a ansiedade e a tensão de forma sutil. A imagem mostra a emoção e os sentimentos de um pai que tenta introduzir o filho no mundo ao qual deseja pertencer”.

Na noite da foto, depois de passar cinco dias acampado com os refugiados, Warren Richardson viu a chegada de quase 200 pessoas que se deslocavam escondidas entre as árvores, ao longo da linha de fronteira. Primeiro fizeram passar as mulheres e as crianças, depois os pais de família e os idosos.

“Brincamos de gato e rato com a polícia a noite toda”, disse o fotógrafo, citado no comunicado da World Press Photo.

“Eram três da manhã quando fiz a foto. Não podia usar o flash, porque a polícia tentava encontrar estas pessoas. Aproveitei apenas a luz da lua”, explicou o australiano.

Vista impressionante

foto-imagem-bela-imagem

Raio atinge além da borda do Horseshoe Canyon do Arizona neste quadro apresentado por J. Cho. “É incrível e belo”, Cho escreve, observando que o movimento da tempestade no fundo faz a cena viva. Localizado dentro de Glen Canyon National Recreation Area, o site é nomeado para a curva distintivo do rio Colorado, que corre a mil pés abaixo do topo das falésias.

De eclipse solar a galáxias e nebulosas

foto-imagem-astronomiaA premiação de “Melhor Fotógrafo de Astronomia do Ano” divulgou seus vencedores. As fotos vão de fenômenos cintilantes no céu noturno até paisagens estreladas a anos-luz de distância.

Os vencedores foram selecionados entre milhares de candidatos amadores e profissionais do mundo inteiro em 11 categorias.

As fotos podem ser vistas no Observatório Real de Greenwich, em Londres, até junho de 2016.

foto-imagem-astronomiaA vencedora da categoria juvenil “Young Astronomy” foi tirada por George Martin, de apenas 15 anos, e mostra o cometa Lovejoy foto-imagem-astronomiaA vencedora geral foi essa foto de Luc Jamet, que registrou o eclipse solar de 20 de março deste ano visto de Svalbard, na Noruega foto-imagem-astronomiaA competição recebe muitas fotos de aurora e, por conta disso, há uma categoria só para elas. Jamen Percy foi a vencedora com essa foto feita no Abisko National Park, em Lapland, na Suécia foto-imagem-astronomiaUm dos juízes da competição – o comediante, impressionista e astrônomo amador, Jon Culshaw – descreveu essa imagem como “um momento maravilhoso registrado na hora certa”. A foto foi tirada por Lefteris Velissaratos e é da Nebulosa do Coração quando o Cometa Jacques passava foto-imagem-astronomiaEssa foto é intitulada Sunset Peak Star Trail e foi tirada por Chap Him Wong, que venceu a categoria People and Space

Sol e Lua de Halo

foto-imagem-sou-e-luaDuas imagens capturadas em 1 de Abril são combinadas neste dia criativo e noite compósito. Separados no tempo por cerca de 10 horas as imagens de outra forma combinar, olhando ao longo da costa em Östersund Suécia. Os tempos relativos foram escolhidos para mostrar o Sol e uma Lua quase cheia no mesmo lugar no céu primavera frio, cedo. Na cena da noite Jupiter também brilha acima das luzes waterfront, enquanto Sol e da Lua são ambos cercada por um belo gelo circular halo. Os halos Sol e Lua se alinham realmente, cada um com um raio angular de 22 graus. Que raio é uma constante, não determinado pelo brilho do Sol ou da Lua, mas unicamente pela geometria hexagonal de cristais de gelo na atmosfera e da reflexão e refração da luz. É claro que amanhã, 04 de abril, vai encontrar o Sol ea Lua em lados opostos do planeta Terra para um eclipse lunar total.

Ausência de luar deverá favorecer condições de visualização da chuva anual de meteoros Perseidas; esperam-se até 100 meteoros por hora no ápice.

foto-imagem-chuva-de-meteorosObservadores do espaço apostam em um belo espetáculo quando uma das mais famosas chuvas anuais de meteoros atingir seu ápice nesta quarta-feira (12).

Pela primeira vez desde 2007, a chuva das Perseidas irá coincidir com a ausência de luar – o que favorece as condições de observação.

A expectativa é uma taxa de 100 meteoros por hora no pico da chuva.

As Perseidas são pedaços do cometa Swift-Tuttle; todo ano, em agosto, a Terra cruza a órbita do cometa e a nuvem de detritos deixada pelo astro.

Essas partículas de gelo e poeira (que vão do tamanho de um grão de areia ao de uma ervilha) entram na nossa atmosfera a cerca de 60 km por segundo.

Nesse caminho, elas esquentam o ar ao redor, causando o feixe de luz característico que pode ser visto da superfície.

Desde o solo, os meteoros parecem partir de um único ponto, chamado radiante. No caso das Perseidas, esse ponto fica na constelação de Perseu, daí o nome.

A chuva de meteoros pode ser vista todo ano de 17 de julho a 24 de agosto, aproximadamente.

As melhores oportunidades de visualização ocorrem no hemisfério Norte, mas as estrelas cadentes também podem ser vistas no hemisfério Sul – no Brasil, as regiões mais ao norte possuem melhores condições de observação.

Para a maioria das pessoas, a visualização a olho nu é a melhor opção. Observadores de meteoros aconselham buscar um local escuro, longe de luzes artificiais, e uma vista desobstruída do céu.

Aconselha-se ainda o uso de cadeiras reclináveis e cobertores para observar o céu em conforto.

Realidade e acontecimentos no mundo

foto-imagem-realidadeUm baterista toca entre as sombras dos modelos durante desfile na Semana de Moda Masculina em Nova York. O evento tem duração de quatro dias e é a primeira vez que acontece na cidade.foto-imagem-realidade

Pessoas brincam enquanto se refrescam em uma fonte pública no centro de Madrid, na Espanha. Segundo o serviço meteorológico local a temperatura, que atingiu 40ºC, deve se manter por pelo menos mais uma semana.

foto-imagem-realidade

Luzes são vistas ao longo da rota Hörnli na montanha Matterhorn, na Suíça. Há 150 anos o britânico Edward Whymper alcançou o cume pela primeira vez. Na descida, 4 membros de sua equipe morreram. Mais de 500 alpinistas já morreram tentando escalar o monte.

foto-imagem-realidade

foto-imagem-realidadeMovimentação de banhistas e turistas no amanhecer na orla de Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro foto-imagem-realidadeAmanhecer visto da Ponte João Dias, na Zona Sul de São Paulo

 

foto-imagem-realidade

Pessoas fazem fila para usar um caixa eletrônico enquanto uma pessoa pede esmolas em Atenas, na Grécia. O país chegou a um acordo com seus credores, mas terá que fazer reformas trabalhistas e das aposentadorias, além de privatizações e aumento de impostos

foto-imagem-realidade

Pessoas assistem o 7º dia da corrida de touros de suas varandas durante o festival de São Firmino em Pamplona, ​​na Espanha. Foliões de todo o mundo se reúnem na cidade todos os anos para participar do evento

foto-imagem-realidadeMenina chora após um bombardeio comandado pela Arábia Saudita matar o pai dela em Sana, capital do Iêmen. Ataques feitos na manhã desta segunda-feira (13) na cidade deixaram ao menos 21 civis mortos, segundo testemunhas foto-imagem-realidadeMeninos brincam com um cano fingindo ser um morteiro em local que, segundo ativistas, foi alvo de um bombardeio com barril de explosivos na cidade antiga de Aleppo, na Síria, no domingo (12) foto-imagem-realidadeEspecialista em moxabustão trata um paciente com a terapia alternativa em Yiwu, na província chinesa de Zheijang. Muitos chineses acreditam que a aplicação de algumas terapias alternativas no verão ajuda a proteger contra doenças no inverno foto-imagem-realidadeA nova Miss EUA, Olivia Jordan, representante do estado de Oklahoma, reage após ser coroada vencedora entre as 51 participantes na cerimônia na noite de domingo (12) em Baton Rouge, em Louisiana foto-imagem-realidadePensionista cadeirante espera do lado de fora com outros idosos em frente a uma agência do Banco Nacional da Grécia no centro de Atenas foto-imagem-realidadeSoldado ucraniano fala ao celular em um ponto de controle na vila de Lavki, perto da cidade de Mukacheve foto-imagem-realidadeLava é expelida pelo Vulcão de Fogo, visto da comunidade de San Antonio em Colima, no México, no domingo (12). Centenas de pessoas foram removidas da região e um aeroporto foi fechado por medo de esta se tornar uma das maiores erupções do vulcão

Vida das árvores

foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores foto-imagem-vida-arvores

Galaxy Oeste

foto-imagem-galaxy-oesteOs arcos da Via Láctea acima de uma fazenda abandonada fora da cidade antiga estrada de ferro de Bartlett, Texas. Vasta galáxia da Terra se estende por 120 mil anos-luz de ponta a ponta.